ISVOUGA ISVOUGA
   ISVOUGA Licenciaturas Bolsas de Estudo Emprego Contactos
Opções Gerais
   
 
  Caixa de Sugestões  
 
  Enews  
 
  Erasmus +  
 
  Bolsa de Emprego Online  
 
 Você está em:  Início  >  Notícias

ISVOUGA integrou SEMANA NACIONAL DO MARKETING

O ISVOUGA aderiu à XIV Semana Nacional de Marketing, que decorreu de 15 e 19 de Abril, sob o tema a “Re-Evolução do Marketing – Marketers ao Poder”, organizando uma conferência para debater as tendências do Marketing no âmbito de uma das temáticas do evento «A Re-evolução do consumo», contando com as intervenções de Simeon Ries e Pedro Aguiar. A iniciativa decorreu a 17 de abril, no auditório do ISVOUGA, perante uma plateia constituída por alunos dos cursos de Contabilidade, Gestão de Empresas, Marketing, Publicidade e RP e empresários da região.

Simeon Ries é fundador da ENODO, soluções para empresas, diretor da Consel Competence Center e cônsul de Portugal em Frankfurt. Durante a intervenção no auditório do ISVOUGA falou de sustentabilidade e estratégias empresariais, área em que é especialista. Habituado a viajar pelo mundo e adepto de uma postura sustentável começou por explicar que «o marketing é convidar as pessoas a atravessar a ponte». Para Ries torna-se imperativo fazê-lo com consciência e ética de modo a evitar o «colapso» e o desaparecimento de recursos.

Simeon Ries refere que «o consumo tem que ver com engolir recursos» e exemplifica que «cada pessoa consome 1089 animais em média ao longo da vida». Para este especialista em sustentabilidade empresarial «o preço é pago em três prestações: no ato de compra, nos efeitos do consumo na saúde e, na própria sociedade». Para ilustrar a consequência de uma atitude não sustentável o orador deu como exemplo o caso das empresas petrolíferas quando há desastres ambientais: «o dano de marca, não ser reconhecido pela sua sustentabilidade perdura durante anos». Para Ries é urgente «fazer o bem com o dinheiro», não só para o bem de todos, mas também pela pressão dos consumidores e da opinião pública, cada vez mais atenta a rejeitar organizações que não possuem uma «imagem verde». E, neste quadro, o orador questiona: «o que estão a fazer os marketeers em relação à sustentabilidade? Estamos a repetir os mesmos procedimentos, estamos a gastar recursos para fazer sempre o mesmo» quando se deveria «desenvolver outras formas de comunicação».
Ries sublinhou ainda para o facto de que «o consumo é medido no ato de compra e não no uso. O trabalho é vender» e as preocupações com o futuro são deixadas de lado. Recorrendo a uma imagem de um filme alemão com um cego e um deficiente, Simeon Ries explica que nas empresas «a pessoa que vê, diz para onde apontar, direciona a arma, mas quem atira é o cego, o próprio vendedor», apelando a uma outra estratégia de comunicação e de gestão dentro das organizações.

Para o outro interveniente na sessão Pedro Aguiar, CEO de uma empresa do setor da saúde e docente de ensino superior, o difícil está na mudança de mentalidade, «em esquecer velhas ideias», e neste, sentido, apela a uma outra atitude na forma de falar com o consumidor, um elemento que agora «fala, troca experiências». Para este profissional a «big data», o manancial de informação sobre os consumidores «é o novo petróleo». «A informação disponível online, dada pelo consumidor, é um recurso precioso», pois «voluntariamente eu coloco a vida a descoberto». Deste modo, Pedro Aguiar defende que está aqui uma saída para os matemáticos; a compilação de dados que todos os dias são partilhados. A noção de «big data» baseia-se em 5v’s: volume de informação, a variedade de dados, a velocidade a que circulam, mas acima de tudo, a verificação da veracidade e o valor dessa informação em termos de gestão. Para Pedro Aguiar «já ninguém pergunta pela qualidade, esta é um valor adquirido», agora falta encontrar um modo do que fazer com tanta informação e como a aplicar convenientemente. Para este empresário numa era em que as novas gerações já não usam o email, mas sim, aplicações que fazem com que toda a gente a qualquer hora e em qualquer lugar esteja a produzir e a divulgar informações, o desafio é: como filtrar e gerir estes dados.













Publicado em: 19-04-2013


Página gerada em: 2017-08-18 às 00:33:33 © COPYRIGHT ISVOUGA - 2006-2010
helpdesk@isvouga.pt